24 de novembro de 2021 09:56

Ações voltadas para a Saúde do Homem contemplam internos da Penitenciária Mário Negócio

Testes de Hepatite B e C, Sífilis e HIV foram realizados em parceria pelas equipes da UnP, Secretaria Municipal de Saúde e ONG IVES.

No mês marcado pelos cuidados com a Saúde do Homem, internos da Penitenciária Agrícola Mário Negócio estão sendo contemplados por uma série de ações referentes à Campanha Novembro Azul. No dia 22 de novembro, foi realizada uma grande ação com foco no controle de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). A atividade desenvolvida pela Universidade Potiguar (UnP) em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Mossoró promoveu a testagem rápida de Hepatite B e C, Sífilis e HIV, para homens privados de liberdade.

Os testes de HIV ficaram sob responsabilidade da equipe do Instituto Vida e Esperança (IVES), Organização Não Governamental (ONG), que doou todos os testes realizados na ação. Os atendimentos foram realizados pelos alunos dos cursos de Biomedicina,  Enfermagem e Serviço Social da UnP. Para o professor Wanderley Fernandes, a ação na penitenciária é uma importante experiência para a formação profissional dos alunos que estão tendo a oportunidade de conhecer o funcionamento da saúde prisional. Além de ser uma nova experiência na manipulação dos testes rápidos de forma massiva: “Ao longo de todo mês estamos realizando atividades alusivas ao novembro azul, voltadas para a saúde integral dos homens, e não só de combate ao Câncer de Próstata”, destaca.

Diana Fernandes, Diretora da Equipe de Saúde Prisional da Penitenciária Agrícola Mário Negócio, formada por profissionais cedidos pela Secretaria de Saúde de Mossoró, fez questão de destacar a importância da parceria com a UnP: “Estamos sempre buscando ampliar a promoção à saúde para os internos e uma ação desse nível não seria possível sem parcerias. Nessa ação de testagem que nos permitirá identificar de forma precoce algum agravo e possa tratar, contamos com a parceria da UnP, e do Instituto IVES”, registra. Já a diretora do Instituto IVES, Patrícia Medeiros, reforça que a ONG trabalha em parceria com o ministério da saúde. “Nós fazemos também parceria com instituições de ensino superior, e é importante que essas parcerias se ampliem.  Não preciso dizer que atuar em parceria com a UnP, que é uma grande universidade, é motivo de alegria, e muito orgulho”.